A técnica do Shiatsu em – um olhar para dentro –

Este trabalho eu conheço de perto. Acredito que o shiatsu pode ser uma ótima opção terapêutica para quem estiver buscando este “olhar blog entrevista para dentro”. Estamos tão condicionados a viver à vida no piloto automático que vamos driblando o dia dia sem perceber o que está acontecendo, de verdade, dentro de nós. E sempre há, muitos movimentos internos que precisam ser “acolhidos”. Precisamos deixar fluir àquilo que está “retido” ou, até mesmo, “adormecido” em nós. Como este portal tem seus pilares “construídos” através do autoconhecimento que fui buscando trabalhar dentro de mim, durante alguns anos, e ainda sigo na causa, não poderia deixar de compartilhar aqui este conteúdo de absoluta relevância para mim.  Apenas transformamos o nosso interior quando paramos para nos escutar.

 

Obrigada, Clara, seu trabalho é fantástico.

Entrevista

1 – Qual a filosofia do Shiatsu?

O shiatsu é uma técnica terapêutica japonesa de mobilização da energia vital que circula no corpo: ki. O termo shiatsu significa pressão com os dedos e também é conhecido por “acupuntura sem agulhas” uma vez que explora os mesmo pontos energéticos dos mapas de meridianos que orientam a acupuntura.

A filosofia é a do Tao, conceito oriental de “caminho”, no qual o “absoluto” é experimentado e vivenciado através de opostos: yin e yang. Para grande parte da medicina oriental, todo o Universo é constituído de energia (que recebe vários nomes conforme a cultura local) e assim se forma e transforma nossos corpos e mentes: com porções de uma energia total . A saúde é a possibilidade de uma livre circulação desta energia yin / yang no corpo humano , enquanto os sintomas e doenças são produto de um desequilíbrio deste fluxo. Assim como outras terapias energéticas, o shiatsu tem por objetivo acessar este fluxo energético vital, e fazê-lo mais harmônico e natural.

2 – Como através do Shiatsu podemos alcançar o transformador “olhar para dentro”?

A prática do shiatsu auxilia na harmonização geral da pessoa. O toque ordenado e intuitivo do terapeuta promove um campo positivo de auto-percepção para quem o recebe, e a movimentação da energia no corpo – que tantas vezes ameniza sintomas físicos e psíquicos – coloca a pessoa em contato com suas sensações e ciclos. Quando tocado, o corpo responde e reage, de maneira que é possível observar melhor pontos de incômodo e tensão, assim como regiões onde o fluxo é livre e as sensações são de prazer e bem estar.

Na disposição de redistribuir o “ki” e alcançar a saúde plena, este caminho de ambos (terapeuta e paciente/cliente) é um total olhar para dentro. É perceptivo, sensorial, íntimo, surpreendente e, sobretudo, transformador. Havendo auto-conhecimento, é possível haver auto-regulação, e um indivíduo sadio (corpo e mente agindo em comunhão) constrói relações, ações e ambientes consonantes a ele.

Ao olhar para dentro e se perceber – de fato! – é que se torna possível ser o potencial máximo de vida, e se recriar para criar.

 3 – Quem é a Clara?

Sou  Clara Calderano, juizforana, bióloga, estudante de psicologia.

Sou shiatsuterapeuta há 6 anos (com formação em SP), e realizo meu trabalho com muito prazer! Acredito na evolução das pessoas e me vejo sempre melhor a cada dia por tantas trocas que realizo com os clientes e em minhas relações.

Observo diariamente a necessidade que temos, como humanos, de sermos amados e tocados, o quanto o contato nos aproxima de nossa essência, e busco através do shiatsu contribuir para que a saúde seja um modo de vida, não uma utopia.

 

Entrevista realizada com a shiatsuterapeuta Clara Calderano.

Telefone para contato: 32- 9998 6462 (Juiz de Fora)

Comments

Be the first to comment.

Leave a Reply


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*